Se você pensa que a velha história e embates entre governos de direita x esquerda é somente no Brasil, está completamente equivocado. No mundo todo existem partidos extremistas, que apoiam em todas as circunstâncias por aquilo que acham correto. No entanto, com o passar dos anos vem ficando perceptível que o povo anda dando oportunidade de governo para partidos mais específicos.

Por exemplo, às vezes a população coloca no poder não pelas propostas que lhes foram apresentadas, mas sim, pelo que o conjunto do partido representa. É válido ressaltar que essa concepção não abrange todos os cidadãos e nem todos os países. De acordo com o que estamos observando com o passar dos anos, há uma tendência muito forte a mudanças. Por exemplo, se antes os partidos ganhadores passavam anos no poder, hoje em dia tudo isso tem mudado drasticamente.

Muitos governos após serem eleitos acabam não cumprindo com as promessas que fizeram durante toda a sua campanha. Isso é algo que pode prejudicar e muito a sua reeleição, uma vez que a população agora vem cobrando e fiscalizando diretamente aqueles que fazem ou não pelo Brasil. Um caso que pode servir como exemplo é esse período no qual estamos vivendo, a pandemia.

Governos de Direita x Esquerda durante o ano de 2011

Há nove atrás, a gente estava presenciando uma América do Sul totalmente dominada por líderes de esquerda ou da extrema-esquerda. De acordo com os dados divulgados pela Datawrapper, quase todos os países que compõem a América do Sul representavam ideias na qual chamamos no Brasil como ‘esquerdistas’.

Porém, de nada adianta somente falar e falar durante a campanha, se ano é feito após a eleição. A população, que antes temia o governo, agora sabe que uma cadeira presidencial estará lá sempre, mas quem ocupa esse local, deverá governar para o bem de todos e não somente daqueles que possuem os seus mesmos pensamentos.

Governos de Direita x Esquerda

Eleições de 2011 revelam quais países elegeram Governos de Direita x Esquerda. Fonte: Datawrapper

No momento em que muitos deixaram de temer e passaram a compreender o conceito de uma votação e de que um presidente eleito governa um país e não somente seus seguidores, as coisas começaram a mudar no cenário político. Isso é bastante perceptível quando comparamos os gráficos governamentais de 2011 e 2016. A mudança é bastante brusca e faz com que fiquemos pensativos sobre o porquê dessa virada em basicamente todos os países da América do Sul.

Governos de Direita x Esquerda

No ano de 2016, a esquerda teve o seu poder enfraquecido. Fonte: Datawrapper

No ano de 2011, as eleições e competição entre os governos de direita x esquerda resultou na vitória, em quase todos os países, daqueles que possuam pensamentos mais liberais, marca registrada da esquerda. Isso mudou radicalmente em 2016, o que causou um impacto em todas as populações desse continente. Nas eleições de 2016, apenas o Suriname, Guiana, Equador, Bolívia, Chile e Uruguai conseguiram eleger um presidente da esquerda.

Como a Direita conquistou tanto espaço na América do Sul?

Depois te tantos anos convivendo com o mesmo governo, a própria população acaba se cansando de tantas promessas feitas em palanques, mas não cumpridas quando eleitos. Talvez esse seja um dos motivos pelos quais os políticos de esquerda vêm perdendo tanto espaço, não só no Brasil, mas também no continente de maneira geral.

Com certeza não podemos deixar nos influenciar e criticar um, para enaltecer outro, mas a verdade deve ser dita. O importante agora é saber se a direita ainda continuará dominando ou veremos a mesma situação dos Estados Unidos se repetindo aqui. Para quem não acompanhou as eleições americanas, o novo presidente de uma das maiores potências mundiais defende o posicionamento político de Esquerda.

Governos de Direita x Esquerda

A Direita passou a ser dominante em 2020. Fonte: Datawrapper

Na última eleição que houve em 2020, o mapa da América do Sul estava repleto de azul, cor que representa o governo de Direita. Dentre esses países podemos citar o Brasil, a Bolívia, a Colômbia, o Uruguai o Paraguai e o Chile. Estes países além de serem os maiores territorialmente, também possuem grande influência no setor econômico à nível mundial.

A nova eleição acontecerá somente em 2022, então, muitas coisas poderão acontecer nesse tempo. Os Governos de Direita x Esquerda não decidem se continuam ou não no poder, mas sim, a população. Portanto, se hoje em dia vemos um gráfico repleto de países dominados por partidos conservadores, isso pode mudar até lá. Mas caso os governantes atuais se mostrem responsáveis com a população que o elegeu, nada impedirá que continuem no poder.